3 de julho de 2014

O Mundo precisa de Loucos... Loucos Uns pelos Outros !

Foto de Annie Leibovitz

Vivemos numa sociedade cada vez menos humana. Cada vez existe menos tolerância, menos cuidado e atenção com o próximo, na minha opinião cada vez mais, as pessoas preocupam-se apenas com elas próprias ou com quem lhes é mais próximo. Nem estou a falar de educação, que é essencial e devia estar incutido em todos nós, sermos educados com os outros. Se bem que para mim, tratar bem o próximo faz parte da nossa educação...

Falo de quem é rude para o outro, falo de quem é arrogante, falo de quem é irónico com maldade, falo de pessoas que destratam os outros, que se acham superiores a todos e que na sua ignorância desconhecem que ninguém é superior a ninguém..

Trabalho num ramo, onde me deparo com esta realidade diariamente; num trabalho de atendimento telefónico, de apoio ao cliente, e oiço de tudo...
Desde os que pensam que quem está do outro lado da linha, não são nada, que eles são muito superiores, como uma arrogância desmedida, aos que pensam que somos uns frustrados que trabalhamos num emprego mal pago e que fazemos o mínimo, outros que descarregam a sua frustração, muitas vezes não pelo que os leva a contactar, mas por vezes sinto.. que descarregam tudo o que vai mal nas suas vidas. 

Desconhecem que está ali um profissional com formação e com interesse em ajudar, em dar o seu melhor, em resolver a sua questão ou problema. São seres que entram em linha aos gritos, outros mal educados, outros que nem ouvem o interlocutor, pessoas que exageram situações que para o mais comum dos mortais não faz qualquer sentido; em que o simples facto de não terem recebido uma factura, surge num drama de gritos e ofensas, quase, como se tivessem um problema semelhante a uma doença grave.. numa insanidade total. Muitos deles, depois de muita insistência nossa para ajudar, para nos fazermos ouvir, acabam no final por pedir desculpa, '' a Sra não tem culpa, desculpe lá ''... 

O que eles desconhecem ou parecem desconhecer é que quem os está a ouvir, é alguém que por mais que se queira distanciar e pensar que não é com ele próprio, que é com a entidade que o cliente está insatisfeito, é impossível tudo isto não nos tocar, como seres humanos que somos e que estes '' loucos '' parecem se esquecer. E a seguir ao atender mais um cliente, para esse cliente, não pode transparecer,  o que de mau aconteceu na chamada anterior, é uma gestão emocional.. difícil de gerir.

Já ouvi dizer : '' mas pensas assim, porque é o teu trabalho, como cliente também serias assim.. ''
Não. Nunca o fui, quando ligo para uma linha de apoio, quando tenho que reclamar, não tenho que insultar quem está do outro lado, tenho apenas que expor a situação para que a mesma seja resolvida.
Todos sabemos que não vivemos uma época fácil, que muitos estão desesperados, que têm dificuldades financeiras e outros problemas que os atingem, mas não me parece que seja este o caminho.. nem a solução.. tratar mal o próximo.

Ao lidar com esta loucura diariamente, por vezes, quando surgem os amáveis, os simpáticos, que infelizmente não são a maioria... já estamos tão habituados ao pior, que dou por mim sem saber como reagir ao melhor..
Lembro-me de um senhor com uma dificuldade num telefone, em que ao ajudar e ao pedir para testar, para confirmar se estaria a funcionar diz-me :

'' O que acha vou ligar para a minha mulher e dizer que a amo muito, acha bem ? Sabe estamos tão felizes, vamos ser pais.. é isso mesmo vou ligar para ela e dizer que a amo muito e que é a mulher da minha vida...'' 
Ri-se, diz estas palavras com um contentamento que só os apaixonados sentem.. O sorriso dele está nas palavras, está na voz... Sorri, fiquei praticamente sem resposta, sorri e voltei a sorrir e pensei que faz tanta falta este amor, esta loucura nos nossos dias.. 
Sim, o Mundo precisa de Loucos, mas de uns pelos Outros.  

6 comentários:

  1. Não podia estar mais de acordo com o que escreveste! Pode ser um cliché, mas nós temos mesmo que tratar os outros como queremos que nos tratem a nós, e eu acho que ninguém gosta de ser maltratado. Muitas vezes, as pessoas esquecem-se que têm um ser humano ao lado delas, do outro lado da linha, seja onde for, que merece respeito, por mais zangados que estejamos não podemos descarregar nos outros. Não vivemos tempos fáceis, mas isso não é justificação para passarmos aos insultos e aos gritos quando acontece um pequeno erro. Não nos leva a lado nenhum.
    Precisamos de mais pessoas como esse senhor, que sabem dar valor aos outros, que sabem amar. Ouvir isso deve mesmo fazer a diferença. E telefonemas assim valem sempre a pena :)

    Beijinhos*

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Fico contente por teres gostado, por estares de acordo. Pode ser um cliché, mas é tão verdade, mas cada vez as pessoas o fazem menos, o porem-se no lugar do outro, respeitarem o próximo, esquecem-se mesmo que estão a falar com um ser humano, descarregam as frustrações, são mal educados, arrogantes e muitas vezes, depois de todo o '' mal '' que fazem pedem desculpa, como se isso apagasse todo o mal que nos fizeram...
      E concordo contigo, claro que tudo isto não os leva a lado algum, nem os tempos dificeis são justificação para estas atitudes..

      Precisamos mesmo de mais pessoas loucamente saudaveis como aquele senhor com quem falei, tão feliz e apaixonado :) amável.. Agora de pessoas loucas, que nos destratam, ofendem, magoam e entristecem.. não precisamos mesmo. Mas muitas vezes a mentalidade é : '' é você que está ai, é você que tem que me ouvir '' e dizem isto assim ou pior, temos que ouvir sim, mas deviam ser pessoas bem educadas e não como na realidade as pessoas cada vez são mais... mal formadas.

      Deixo-te aqui uma sugestão de um post meu, se quiseres espreitar, é forte e duro, mas é o mundo que temos..
      http://lifeloveandphotograph.blogspot.pt/2014/05/condicao-humana.html

      Beijinhos Andreia, Bom Fim de Semana :)

      Eliminar
    2. Sim, é verdade, parece que cada vez mais as pessoas têm dificuldades em colocarem-se no lugar do outro. E um pedido de desculpas, por muito que demonstre o arrependimento da pessoa, nunca apaga o que se passou.

      Ouvir aquilo deve ter sabido mesmo bem :) digo-te com toda a honestidade, acho que o atendimento ao público deve ser dos piores empregos, sobretudo para aqueles que têm que ligar para as pessoas ou que as estão a atender quando têm algum problema, porque descarregam sempre em quem está do outro lado, que não tem culpa nenhuma. Exatamente, as pessoas têm que ter educação.

      Vou lá espreitar!

      Obrigada e igualmente, beijinhos :)

      Eliminar
  2. Não é um trabalho fácil realmente, sim, foi muito bom ouvir aquele cliente tão querido ;)

    Obrigada Querida :)

    Beijinhos**

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois, acredito!
      Não tens que agradecer :)

      Beijinhos*

      Eliminar

Obrigada pelo teu comentário ❤ Responderei aqui.

Memórias de um amor..

Saudade..

Enter your email address:

Delivered by FeedBurner